Intercâmbio Cultural – Couchsurfing

Alô alô pessoal!! Como estão?!

Hoje sem mais delongas vamos falar sobre Intercâmbio cultural. O que acham? Aquela viagem internacional para absorver e conhecer um pouco mais da diversidade cultural do nosso mundão. E o melhor jeito de se fazer isso é? Gastando pouco dinheiro! Hoje vamos ver um jeitinho de gastar muito menos nessas viagens, cortando o maior gasto delas: A HOSPEDAGEM! Vamos lá?

Sim, é possível fazer sua viagem e não gastar com hospedagem. Ela representa um grande percentual de gasto da sua viagem. Existem diversas opções para se conseguir isso, e uma das mais conhecidas e seguras são comunidades virtuais especializadas no assunto.  E vocês se perguntam, ‘mas como funciona?’ e ‘como encontra-las’. Vamos lá!

ONDE ENCONTRÁ-LAS?

Basicamente existem duas comunidades que são mais conhecidas no meio. São a CouchSurfing (http://www.couchsurfing.org/) – que ao pé da letra significa, surfistas de sofá -, e a Hospitality Club (http://www.hospitalityclub.org/).

COMO FUNCIONA?

O conceito dessas comunidades basicamente é como se fosse uma troca de favores. Baseando-se na hospedagem FREE, você pode tanto RECEBER viajantes em sua casa, como pode também se HOSPEDAR na casa deles.

O site tem um conceito simples, mas é sempre bom se atentar a alguns detalhes que podem melhorar suas chances de achar algum lugar legal e mais compatível com você. Vamos listar algumas dicas:

  • Seja o mais detalhista possível na hora de preencher seu formulário, quanto mais completo seu perfil, mas fácil encontrar uma hospedagem que te caiba. E lembre-se que os integrantes da comunidades são exigentes – você será também quando hospedar alguém -, e avaliam o perfil de quem irão hospedar;

  • Participe dos grupos existentes no site. Existe um grupo para cada cidade, e participar e interagir com eles será uma boa foma de se integrar ao meio;

  • No Brasil existem diversos grupos ativos do projeto. Participe, conheça as pessoas e veja por si mesmo a verdadeira essência do projeto;

  • Independente da sua opção de hospedar ou ser hospedado, troca idéias com a pessoa em questão. troque informações sobre sua viagem e fale um pouco de você. Crie uma interação com os integrantes.

  • Pratique gentilezas. Como forma de agradecimento pela hospedagem, pratique gentilezas. Pode ser de um artesanato, ajuda em tarefas domésticas ou mesmo uma lembrança. Ensine algo ao anfitrião, uma comida que você gosta por exemplo. A partir do momento e você ensina algo de novo para alguém, você se torna inesquecível.

A IDEOLOGIA

O ponto focal do projeto é o INTERCÂMBIO CULTURAL, hospedar e ser hospedado, estar aberto a novas possibilidades, conhecer novas pessoas, fazer novas amizades e compartilhar experiências. Ser ativo e participativo nas atividades e interações dos grupo de sua cidade é essencial para se conseguir atingir e absorver o conceito do projeto. Afinal, é dando que se recebe pessoal.

Obs – E lembrem-se!!! NEM TODO SOFÁ É CAMA!!! Pensem bem nisso… rs

Espero que tenham gostado!

22 anos, experimentadora, fotógrafa e blogueira cultural.

Larissa Rocha

22 anos, experimentadora, fotógrafa e blogueira cultural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *